Futebol é o desporto com menos doping


Relatório divulgado pela UEFA revela que foram realizados 269 878 testes ao longo de 2013.

O controlo é tão apertado que poucos são os que se atrevem a entrar no mundo escuro do doping. A revelação é feita pela UEFA, que divulgou o relatório da Agência Mundial Antidopagem, demonstrando que o futebol é o desporto com a taxa de casos positivos mais baixa: 0,48 por cento.

Foram 269 878 controlos ao longo do ano de 2013, dos quais 1932 foram realizados pela própria UEFA: 1846 análises à urina e 86 ao sangue.

O único caso que merece particular preocupação aconteceu no futsal. Um jogador acusou consumo de cocaína e recebeu uma pesada pena de 18 meses de suspensão.